Aprender coreano: guia definitivo [Atualizado]

Qual a língua que se fala na Coreia do Sul?

Korea’s phonetic alphabet, 1446.

Coreano – 한국어, 조선말

Como é o alfabeto coreano?

O alfabeto coreano foi criado por um grupo de eruditos no século XV, sob pedido e supervisão do Rei Sejong. Todavia,  o alfabeto só se popularizou no início do século XX, em razão da proposta de educação em massa ocorrida na Coreia após a Segunda Grande Guerra.

Ao contrário dos caracteres japoneses – hiragana e katana – o alfabeto coreano é composto por consoantes e vogais, o que o torna de fato um alfabeto.

Vale dizer que o sistema de escrita coreano é formado por inúmeros traços que são chamados de Hangeul. Trata-se de um sistema de escrita fácil e elaborado justamente para o povo aprender.

O Hangeul é um alfabeto fonético composto por caracteres sino-coreanos. Ele é formado por:

10 consoantes

ㅏ,ㅑ,ㅓ,ㅕ,ㅗ,ㅛ,ㅜ,ㅠ,ㅡ,ㅣ

14 vogais

ㄱ,ㄴ,ㄷ,ㄹ,ㅁ,ㅂ,ㅅ,ㅇ.ㅈ,ㅊ,ㅋ,ㅌ,ㅍ,ㅎ.

O alfabeto é formado por palavras silabarias, e cada sílaba do alfabeto coreano se chama Jamo.

Por ser uma forma de escrita bastante peculiar e muito diferente, pode nos parecer difícil. No entanto, há algumas técnicas que são usadas para nos ajudar a aprendê-lo facilmente.

Tanto é que existem pessoas que, depois de estudar e aprender o coreano, dizerem que a língua é mais simples do que a nossa língua portuguesa, em razão da quase inexistência de regras.

Vale ressaltar que cada letra do alfabeto coreano não foi criado de forma aleatória, pelo contrário, ele possui significados importantes e fundamentais para a cultura coreana.

A título de exemplificação, as vogais seguem o princípio da filosofia de Confúcio e Yin e Yang. Já as consoantes são baseadas pelo nosso aparelho fonador.

Em se tratando da organização das letras, elas são organizadas em blocos silábicos para formar as palavras, assim colocadas:

  • consoante+vogal;
  • consoante+vogal+consoante;
  • consoante+vogal+consoante+consoante.

Em relação à escrita, ela é feita da esquerda para a direita, de cima para baixo.

E então, vamos conhecer o alfabeto coreano?

Alfabeto coreano

Consoantes Simples

 – j

 – d

 – g e k

– s

– m

– n

– r,l

– r

– k

– t

– ch

– p

– ng

Vogais Simples

– á

– ó

– ô

 -ú

– ê

– é

– ú

– í

Consoantes duplas

– b

– j 

– d

– g

– s

Vogais compostas

– já

– jó

– jô

– jú

– jê

– jé

Qual é o melhor passo a passo para aprender o básico coreano?

De acordo com os linguistas, o processo de aprendizagem de uma língua estrangeira pode ser bem facilitado  se o estudante fizer em primeiro lugar uma verdadeira imersão na cultura do país do qual se quer aprender o idioma.

É preciso que o estudante se interesse pela música, gastronomia, dança, acontecimentos políticos e sociais, conheça as personalidades, ou seja, tudo o que estiver relacionado ao país é importante saber.

Esse processo pode ser bastante semelhante ao de uma pessoa que aprende o idioma quando, por algum motivo, passa a viver num país estrangeiro repentinamente. É dessa forma que o estudioso conseguirá falar ouvir, ler e entender.

Assista ao vídeo abaixo e veja como o Gu Kawashita aprendeu vocabulário e gramática coreano usando letras de músicas!

E agora, para te ajudar ainda mais nos seus estudos de coreano, preparamos um passo a passo para aprender o básico coreano.

Vamos lá!

Passo a passo para aprender o básico coreano

Passo 1) Aprenda o alfabeto coreano

Embora possa parecer estranho no início para a maioria de nós, o alfabeto coreano é simples. Por isso, conheça cada letrinha para se dar bem com o idioma.

Passo 2) Aprenda a contar em coreano

Apesar de os coreanos usarem dois conjuntos diferentes de números cardinais, coreano e o sino-coreano, saber como contar é uma habilidade essencial para quem está a aprender um idioma.

Veja como se conta até 10 na forma coreana:

  • um = 하나 pronunciado como “hana”;
  • dois = 둘 pronunciado como “dul”;
  • três = 셋 pronunciado como “set”;
  • quatro = 넷 pronunciado como “net”;
  • cinco = 다섯 pronunciado como “da-sut”;
  • seis = 여섯 pronunciado como “yuh-sut”;
  • sete = 일곱 pronunciado como “il-gop”;
  • oito = 여덟 pronunciado como “yuh-duhl”;
  • nove = 아홉 pronunciado como “ahop”;
  • dez = 열 pronunciado como “yuhl”.

Passo 3) Instale o idioma coreano no seu computador e celular.

Passo 4) Memorize um vocabulário simples, mas que faça parte da rotina do coreano.

Você vai ver como sua leitura vai ampliar e, consequentemente, sua fala e audição.

Passo 5) Estude a gramática.

Ter conhecimento da estrutura da língua é um passo importante para compreender o idioma.

Passo 6) Assista a filmes e a desenhos coreanos, além de ouvir muitas músicas e rádios coreanas.

Passo 7) última dica: vá à Coreia!

Curiosidade: o bem conhecido homem palito: 옷 /ot/  significa roupa de forma geral.

Qual é o melhor livro para aprender coreano?

Gramáticas coreanas:

Korean Grammar for International Learners: Ho Bin Ihm, Kyung Po Hong, Suk In Chang: 9788971415542: Amazon.com: Books

Korean Grammar in Use: Beginning to Early Intermediate: Ahn Jean-Myung, Lee Kyung-ah, Han Hoo-youn: 9788959951987: Amazon.com: Books.

Yonsei Korean Reading Vol.1 (Korean Edition): Korean Language Institute Yonsei University: 9788971417980: Amazon.com: Books.

Livros coreanos:

  • Fale Tudo Em Coreano! –  Kim,Sang Hee Lee – Disal Editora
  • Wa ! Coreano Básico – Lee,Júlia PONTES

Aplicativo para aprender coreano com nativos

Canais no Youtube para aprender coreano

Aprendendo coreano com a Aileen

De acordo com o Guia do Estudante, o canal Aprendendo coreano coma Aileen, ensina, em português, vocabulário e gramática de nível básico da língua coreana, além de expressões idiomáticas, cumprimentos, dicas de estudo e até recomendações de música K-Pop – Korean Pop – completam o aprendizado.

De prosa na Coreia

De acordo com o Guia, os vídeos do canal De prosa na Coreia também nos ajuda muito com o idioma, especialmente, em relação ao vocabulário. Além disso, o canal oferece dicas legais para quem tem curiosidade sobre a cultura da Coreia do Sul.

Sem falar que muitos os YouTubers mostram também seu cotidiano em Seul. O que incentiva e motiva ainda mais aprender.

Hey Unnie

Outro canal também muito indicado é o Hey Unnie.

Nele o conteúdo diversificado, especialmente por ensinar desde o início, ou seja, as vogais, as consoantes, como são feitos os cumprimentos e a maneira de montar frases.

Canal Yoo Na Kim

Ótimo canal com a professora Yoo Na Kim, que se dedica a divulgar a cultura coreana no Brasil.

Autora do livro “Aprendendo Hangul”, a professora faz um belo trabalho voluntário, em especial, para os brasileiros e coreanos que vivem no Brasil. Por essa razão é conhecida também como Embaixadora da Coreia no Bom Retiro, pólo Cultural das Tradições Coreanas. Além disso, em 2016, a coreana fundou o Centro Cultural Hally, uma associação sem fins lucrativos para divulgação de vários aspectos da cultura coreana no Brasil.

Já o site ViaCarreira indica o site LingQ, com página em inglês, que usa um método no qual a pessoa que quer mesmo aprender coreano pode gradativamente aumentar seu vocabulário a partir do momento em que treinar sistematicamente a fala e a escrita de maneira bastante espontânea. O site ainda oferece conversação ao vivo, correção de textos, comunidades, tutores e material para download.

Bem pessoal, é isso aí. Agora vamos dar um tempo e ficarmos por aqui.

Se você gostou das nossas dicas, fale com a gente, deixe seu comentário. Sua opinião é muito importante para nós.

Bons estudos, aproveite ao máximo esse idioma. A Coreia do Sul é uma cultura sensacional e que vale a pena aprender.

Continue lendo:

Sobre: Papo Coreira

Bate-Papo Coreia é um portal de conteúdo sobre a Coreia do Sul criado por Letícia e Filipe. Mineiros, casados, fundadores da Tihee, agência de Marketing Digital.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *